Haartransplantation in der Türkei

Cada pessoa perde cerca de cem cabelos todos os dias. O que fazer? Qual é o tratamento mais eficaz contra a queda de cabelo? Na verdade a queda capilar é um processo completamente normal, uma vez que os cabelos – como todos os organismos naturais – têm uma expectativa de vida, criando assim espaço para que novos cabelos possam nascer e crescer.

Quando sentimos que estamos a perder cabelo, queremos entender as causas e saber qual a solução mais acertada. Produtos naturais, melhor alimentação, mais excercício físico, reduzir o stress, fazer turismo… Mas e se nada parecer resultar? E quando o cabelo começa a cair de forma mais extrema, que ficamos realmente assustados e procuramos uma outra solução. O que podemos fazer?

O que fazer em caso de queda capilar?

Entrar em pânico seria o mais normal. Mas sem saber as causas e possíveis tratamentos, pouco ajuda ficar assustado. Portanto, tente ficar o mais calmo e refletir sobre o próximo passo. É importante salientar que nada substitui um diagnóstico médico.

Como mencionamos no início, a perda capilar é – pelo menos até certo ponto – completamente normal. No entanto, se a perda de cabelo for realmente significativa, então poderão haver motivos para preocupação.

Existem várias coisas que se podem fazer. Por exemplo, verifique os seus hábitos alimentares. Por vezes, um pequeno ajuste na alimentação poderá ser o quanto baste.

O que fazer em caso de queda capilar
queda capilar hereditária na mulher

A perda capilar pode ser causada por sintomas de deficiência nutricional. Se está actualmente a fazer uma dieta radical, então pode ser que esta seja a causa da sua queda de cabelo.

É diferente na alopecia androgenética, como é chamada a perda capilar hereditária. Sinais típicos deste tipo de perda de cabelo estão recuando a linha fina cada vez mais. Nos homens, a probabilidade é cada vez maior na parte de trás da cabeça.

Nas mulheres o que normalmente é mais visível causado pela queda capilar hereditária, é a exposição da zona frontal ou topo que vai ficando mais amplo.

No final, o cabelo é tão fino que o couro cabeludo aparece. Nestes casos, a única solução contra a perda capilar hereditária é um transplante de cabelo.

O que ajuda a combater?

Depende um pouco do tipo de perda capilar que ocorre. Alguma perda de cabelo pode ser controlada com uma mudança na dieta. Ou uma mudança de estilo de vida.

O início da prática de um desporto ou uma exercício de meditação ou yoga, que promove a redução de stress. Mas quando tentamos tudo e a queda capilar persiste, é necessário uma intervenção diferente. O transplante capilar poderá ser aquilo que realmente precisa.

O que estimula a perda capilar? Quem sofre de perda de cabelo, pode passar horas a pensar nesta questão. Infelizmente não é possível responder. Porque a resposta é tão individual quanto a causa da própria queda capilar.

O que ajuda a combater a queda de cabelo
O que ajuda com a perda capilar difusa

O que ajuda com a perda capilar difusa?

As causas da perda capilar difusa também são muito diferentes. Por um lado, podem ser de natureza física, por exemplo, no caso de falta de nutrientes ou durante uma gravidez. Mas eles também podem ser condicionados psicologicamente pelo stress.

Os efeitos colaterais de certos medicamentos também podem desencadear a perda de cabelo difusa. Neste tipo de perda capilar, o cabelo fica mais uniforme pela cabeça, até que eventualmente não haverá mais cabelo ou couro cabeludo visível.

No entanto, a perda capilar difusa geralmente desaparece quando a causa é eliminada. Se você suspeitar que tem perda capilar difusa, consulte um médico para esclarecer as causas e determinar qualquer terapia.

O que ajuda com Alopecia Areata (Perda capilar circular?)

Perda capilar circular é uma doença em que o seu próprio sistema imunológico ataca os folículos pilosos e os destrói. Isso cria os típicos buracos circulares dessa doença. Mas a Alopecia Areata não se limita somente ao cabelo da cabeça.

Também pode ocorrer nas sobrancelhas ou na área da barba. Em casos extremos, até mesmo o pêlo do corpo inteiro pode falhar. Até a data, as causas desta doença não são totalmente compreendidas, pelo que não existe a chamada “terapia de causa”.

Em outros casos, a doença desaparece tão espontaneamente quanto se desenvolveu e o cabelo volta a crescer. Nos casos de Alopecia Areata, um transplante capilar também pode ajudar.

O que ajuda com a perda capilar causada geneticamente?

Na perda capilar hereditária, os folículos pilosos são hipersensíveis a uma hormona específica, que é formada a partir da testosterona. Isso encurta a vida útil dos cabelos cada vez mais, até que eles não voltam mais a crescer.

O único tratamento adequado para ajudar com a perda por motivo genético, como mencionado acima, é o transplante capilar.

A dieta é um fator importante

Quando falamos da importância da alimentação, surge imedatamente o clássico mote de inspiração “Somos o que comemos”.

O que significa que podemos comer melhor ou pior e que os resultados que advêm desta escolha terão, naturalmente, a longo prazo ou não, um efeito revelador no nosso organismo.

A nossa pele, as unhas e sobretudo o cabelo sofrem com uma dieta pobre e mal estruturada.

Maus hábitos não proporcionam crescimento. Se a alimentação pode ser a chave para impedir queda de cabelo? Pode ser. E vale a pena tentar.

Sabemos que a perda capilar difusa pode ser eliminada com uma mudança da dieta. Para obter um cabelo bonito e forte, nosso corpo precisa de muitos nutrientes e minerais ou vitaminas.

No topo da tabela estão as vitaminas B e a biotina (vitamina H). Estes estão incluídos, entre outros, nos seguintes alimentos:

  • soja e outras leguminosas
  • amendoim e nozes
  • grãos integrais
  • aveia

solução - transplante capilar

As vitaminas A, que estão contidas nas cenouras, por exemplo, são responsáveis pelo crescimento do cabelo.

É importante que ambém consuma uma certa quantidade de gordura, juntamente com os alimentos que contêm as vitaminas A, porque o corpo de outra forma não pode utilizar adequadamente as vitaminas.

Um dos principais elementos nutricionais para o crescimento do cabelo é o ferro. Se tiver problemas de insuficiência de ferro, pode levar à perda capilar.

Outros minerais e oligoelementos importantes são o zinco e o cobre. Mas e se nada resultar? O melhor será planear uma consulta médica e perceber outras soluções.

Existe sempre uma solução e o transplante capilar pode ser o que verdadeiramente o pode ajudar a voltar a ter mais qualidade de vida.

 

 

Solicite uma proposta